ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Vale comunica retirada de moradores de áreas próximas a barragens de Nova Lima e Ouro Preto

20 de fevereiro de 2019

Vale comunica retirada de moradores de áreas próximas a barragens de Nova Lima e Ouro Preto

BELO HORIZONTE – A mineradora Vale anunciou que vai retirar cerca de 125 pessoas das casas próximas a cinco barragens localizadas em Nova Lima, na região metropolitana de Belo Horizonte, e Ouro Preto, na região central de Minas Gerais. As estruturas são do tipo conhecido como “alteamento a montante”, iguais as que se romperam em Brumadinho e Mariana, mas estão inativas.

Casa atingida pela tragédia em Brumadinho. Fotos Publicas/ Ricardo Stuckert

BELO HORIZONTE – A mineradora Vale anunciou que vai retirar cerca de 125 pessoas das casas próximas a cinco barragens localizadas em Nova Lima, na região metropolitana de Belo Horizonte, e Ouro Preto, na região central de Minas Gerais. As estruturas são do tipo conhecido como “alteamento a montante”, iguais as que se romperam em Brumadinho e Mariana, mas estão inativas.

Segundo a Defesa Civil Estadual, em Nova Lima, 100 pessoas estão sendo retiradas das casas e levadas para hotéis da cidade. Em Ouro Preto, 25 pessoas devem ser abrigadas também em hotéis da cidade e alojadas em outras casas na região. Segundo a Vale, a produção da mina de Ouro Preto será mantida, mas sem utilizar as barragens como depósitos de rejeito tóxico.

Em Nova Lima, um grupo de moradores organizou um protesto contra a Vale, nesta quarta-feira (20). Os manifestantes deixaram suas casas às pressas, por causa de um alerta acionado em uma barragem da mina Mar Azul.

Eles cobram da mineradora uma data para retomarem a vida em suas casas. O grupo lacrou a porta da sede da Vale no distrito de São Sebastião das Águas Claras, bloqueando a entrada dos funcionários.

Os manifestantes também exigem que a empresa determine um prazo para a reabertura dos acessos ao povoado, que é uma área turística de Nova Lima.