ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > TRF nega mais um pedido de Lula para afastar procurador do processo sobre o sítio de Atibaia

20 de setembro de 2019

TRF nega mais um pedido de Lula para afastar procurador do processo sobre o sítio de Atibaia

Ex-presidente Lula. Arquivo Agência Brasil

CURITIBA – O Tribunal Regional Federal da 4ª região (TRF-4) rejeitou, pela segunda vez, pedido da defesa de Lula para afastar o procurador Maurício Gotardo Gerum do processo contra o ex-presidente sobre o sítio de Atibaia, na operação Lava Jato, em segunda instância.

No pedido, os advogados de Lula sustentavam que Maurício Gerum deveria ser afastado por ter parentesco com o procurador da república Diogo Castor de Mattos, que atua em primeira instância e subscreve a denúncia contra o ex-presidente, e também com o advogado Rodrigo Castor de Mattos, irmão de Diogo.

Lula foi condenado em fevereiro, em primeira instância, a 12 anos e 11 meses de prisão no processo que apurou irregularidades relacionadas ao sítio de Atibaia, atribuído ao ex-presidente.