ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > TRF-4 nega recurso a Dirceu e mantém pena de mais de 30 anos

19 de abril de 2018

TRF-4 nega recurso a Dirceu e mantém pena de mais de 30 anos

PORTO ALEGRE – O Tribunal Regional Federal da 4ª Região negou por unanimidade o recurso do ex-ministro José Dirceu contra a pena de  30 anos e 9 meses de prisão por corrupção passiva, organização criminosa e lavagem de dinheiro a que foi condenado na Lava Jato.

Com isso, o tribunal autorizou a execução da pena. Mas caberá ao juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal de

Agência Brasil

PORTO ALEGRE – O Tribunal Regional Federal da 4ª Região negou por unanimidade o recurso do ex-ministro José Dirceu contra a pena de  30 anos e 9 meses de prisão por corrupção passiva, organização criminosa e lavagem de dinheiro a que foi condenado na Lava Jato.

Com isso, o tribunal autorizou a execução da pena. Mas caberá ao juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba, mandar prender o ex-ministro.

A defesa de Dirceu ainda pode apresentar o chamado embargo do embargo, em que os advogados pedem esclarecimentos sobre pontos da sentença. No entanto, isso não impede que o ex-ministro seja preso. A corte costuma considerar esse tipo de recurso protelatório e com intuito de apenas adiar o processo.

Leia também:
Rio: Parque Nacional do Itatiaia registra temperatura mais baixa do ano no estado