ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Temporal mata pelo menos quatro pessoas no Rio

1 de março de 2020

Temporal mata pelo menos quatro pessoas no Rio

RIO – O temporal que atingiu o Rio de Janeiro provocou a morte de duas pessoas na Zona Oeste carioca e deixou pelo menos outras duas feridas.

Queda de árvore na Rua Visconde de Albuquerque, na Gávea, na Zona Sul do Rio. Divulgação Centro de Operações Rio

RIO – Um temporal atingiu o Rio de Janeiro entre a noite de ontem (29) e manhã de hoje (1º). A forte chuva provocou a morte de pelo menos quatro pessoas na Zona Oeste, na Zona Norte e na Baixada Fluminense. O temporal deixou ainda vias alagadas, imóveis inundados e um rastro de destruição em diversas regiões da capital e cidades da Região Metropolitana, principalmente na Baixada Fluminense. 

O Corpo de Bombeiros informou que Wania R. Nunes, de 75 anos morreu eletrocutada quando estava na esquina da Estrada do Tindiba com Rua Apiatás, na Taquara, na Zona Oeste do Rio. A outra morte também foi nessa mesma região, mas no bairro do Tanque. O copeiro Flávio Gonçalves, de 50 anos , morreu depois que um barranco deslizou na Rua Almirante Melquiades de Souza e derrubou a parede do quarto em que ele dormia com a família.

A terceira morte foi após um desabamento na Estrada Feliciano Sodré, em Mesquita, na Baixada Fluminense. A vítima foi identificada como Misael Xavier, de 62 anos. De acordo com a Defesa Civil, a quarta vítima teria morrido em Acari, na Zona Norte carioca. Essa vítima teria sido levada por moradores para o Hospital Ronaldo Gazolla, mas não resistiu e morreu na unidade. O corpo ainda não foi identificado. 

Ainda na Baixada Fluminense, um deslizamento de terra atingiu três imóveis, no Bairro da Lagoa, em Magé. Um homem e uma mulher ficaram soterrados e foram socorridos pelos bombeiros.

O temporal fez a capital fluminense entrar estágio de alerta, o quarto nível numa escala de cinco. Esse estágio significa que uma ou mais ocorrências graves impactam a cidade ou há incidência simultânea de diversos problemas de médio e alto impacto em diferentes regiões.