ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Mourão defende que militares contribuam por 35 anos para aposentadoria

21 de janeiro de 2019

Mourão defende que militares contribuam por 35 anos para aposentadoria

BRASÍLIA – O presidente em exercício, Hamilton Mourão, defendeu o aumento do tempo de permanência dos militares na ativa e disse acreditar que essa mudança será aprovada. Atualmente, um militar pode passar para a reserva após 30 anos de serviço.

Em entrevista à Rádio Gaúcha, Mourão disse que não

Foto: Wilson Dias/Agência Brasil

BRASÍLIA – O presidente em exercício, Hamilton Mourão, defendeu o aumento do tempo de permanência dos militares na ativa e disse acreditar que essa mudança será aprovada. Atualmente, um militar pode passar para a reserva após 30 anos de serviço.

Em entrevista à Rádio Gaúcha, Mourão disse que não há resistência entre os militares a um aumento da idade no serviço ativo. Inicialmente, o general não especificou qual seria esse aumento. Depois, perguntado sobre o assunto pelos jornalistas ao sair do gabinete, disse que o aumento poderia ser para 35 anos.

Hamilton Mourão assumiu a Presidência da República interinamente devido à viagem do presidente Jair Bolsonaro à Suíça para participar do Fórum Econômico Mundial em Davos.