ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Tabela do frete, que entrou em vigor no fim de semana, frustra caminhoneiros

22 de julho de 2019

Tabela do frete, que entrou em vigor no fim de semana, frustra caminhoneiros

BRASÍLIA – Lideranças dos caminhoneiros reforçaram a insatisfação com a nova resolução sobre a política de preços mínimos do frete rodoviário. A categoria não descarta a possibilidade de greve e aguarda uma reunião com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, para discutir o assunto.

Arquivo Agência Brasil

BRASÍLIA – Lideranças dos caminhoneiros reforçaram a insatisfação com a nova resolução sobre a política de preços mínimos do frete rodoviário. A categoria não descarta a possibilidade de greve e aguarda uma reunião com o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Gomes de Freitas, para discutir o assunto.

As novas regras para o cálculo do frete mínimo de transporte de cargas entraram em vigor no fim de semana. As alterações foram publicadas pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

As novas regras determinam que o cálculo do frete mínimo passará a considerar 11 categorias, e entre elas estão transportes de granéis sólidos, cargas de frigoríficos e transportes de cargas perigosas. Antes, o cálculo não se baseava em categorias. O custo de deslocamento e o custo de carga e descarga também serão considerados para o cálculo. 

De acordo com a Agência Brasil, quem oferecer contratação de transporte rodoviário de carga abaixo do piso mínimo pode ser multado em R$ 4.975.