ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Sears pede concordata nos EUA

15 de outubro de 2018

Sears pede concordata nos EUA

RIO – A rede americana de lojas Sears apresentou pedido de proteção contra credores, amparada pelo capítulo 11 da lei de falências dos Estados Unidos. O mecanismo é parecido com a concordata ou pedido de recuperação judicial existentes na legislação brasileira. Ele permite que as empresas continuem operando e se reorganizando sem a pressão dos credores.

Foto: Divulgação

RIO – A rede americana de lojas Sears apresentou pedido de proteção contra credores, amparada pelo capítulo 11 da lei de falências dos Estados Unidos. O mecanismo é parecido com a concordata ou pedido de recuperação judicial existentes na legislação brasileira. Ele permite que as empresas continuem operando e se reorganizando sem a pressão dos credores.

A cadeia centenária que já foi líder do mercado de varejo nos Estados Unidos não resistiu à evolução tecnológica que transformou o setor. Nos últimos anos, a empresa fechou centenas de lojas em meio a uma reorganização comercial causada, em parte, pela ascensão da Amazon e de outros gigantes do comércio eletrônico.

A Sears precisava conseguir, hoje (15), US$ 134 milhões para pagar parte das dívidas, mas não obteve sucesso.