ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Reforma da Previdência para servidores públicos de SP é aprovada em meio a protestos

26 de dezembro de 2018

Reforma da Previdência para servidores públicos de SP é aprovada em meio a protestos

SÃO PAULO – A Câmara dos Vereadores de São Paulo aprovou nesta quarta-feira (26), em segunda votação, a reforma da Previdência dos servidores municipais. Foram 33 votos favoráveis e 17 contra. O texto segue agora para a sanção do prefeito Bruno Covas.

A proposta do executivo aumenta a alíquota de contribuição dos funcionários públicos de 11% para 14% e estabelece a cria&c

Foto: Reprodução Twitter

SÃO PAULO – A Câmara dos Vereadores de São Paulo aprovou nesta quarta-feira (26), em segunda votação, a reforma da Previdência dos servidores municipais. Foram 33 votos favoráveis e 17 contra. O texto segue agora para a sanção do prefeito Bruno Covas.

A proposta do executivo aumenta a alíquota de contribuição dos funcionários públicos de 11% para 14% e estabelece a criação de um Sistema de Previdência Complementar para novos trabalhadores com remuneração superior ao teto de R$ 5,6 mil.

A votação foi marcada por um protesto que levou a guarda civil metropolitana a usar bombas de gás lacrimogêneo, spray de pimenta e balas de borracha para dispersar os manifestantes. Houve confronto e grades no entorno do edifício da Câmara Municipal foram quebradas. Algumas pessoas ficaram feridas.