ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Quatro deputados federais do PDT e três do PSB decidem deixar os partidos

16 de outubro de 2019

Quatro deputados federais do PDT e três do PSB decidem deixar os partidos

BRASÍLIA – Quatro deputados federais do PDT e três do PSB anunciaram que vão pedir a desfiliação de seus respectivos partidos ao Tribunal Superior Eleitoral (TRE).

Deputada Tabata Amaral (PDT - SP). Divulgação Câmara dos Deputados / Luis Macedo

BRASÍLIA – Quatro deputados federais do PDT e três do PSB anunciaram que vão pedir a desfiliação de seus respectivos partidos ao Tribunal Superior Eleitoral (TRE). O grupo está na lista de parlamentares punidos pelas legendas por terem votado a favor da reforma da Previdência e contrariado a orientação dos partidos.

Decidiram que vão sair do PDT os deputados Tabata Amaral, Marlon Santos, Gil Cutrim e Flávio Nogueira. Já os parlamentares que pretendem deixar o PSB são: Felipe Rigoni, Rodrigo Coelho e Jefferson Campos.

Todos deverão alegar justa causa no pedido de desfiliação, para não correrem o risco de perder o mandato, o que será decidido pelo TSE.

Os sete deputados disseram que só vão discutir para quais legendas irão depois de concluída a desfiliação.