ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Protestos em Paris tem mais de 200 presos

1 de dezembro de 2018

Protestos em Paris tem mais de 200 presos

Rio de Janeiro (agências internacionais) – Já chega a 205 o número de detidos durante os protestos contra o aumento do preço dos combustíveis na Avenida Champs-Elysées, em Paris, neste sábado (01). A estimativa é de que mais de 5500 manifestantes foram ao local, uma parte dos mais de 36 mil nos protestos em toda a França. Lojas foram esvaziadas e fechadas por causa da violência.

NULL

Rio de Janeiro (agências internacionais) – Já chega a 205 o número de detidos durante os protestos contra o aumento do preço dos combustíveis na Avenida Champs-Elysées, em Paris, neste sábado (01). A estimativa é de que mais de 5500 manifestantes foram ao local, uma parte dos mais de 36 mil nos protestos em toda a França. Lojas foram esvaziadas e fechadas por causa da violência.

 

Segundo a polícia, os distúrbios se estenderam por outros bairros da capital francesa e um fuzil foi roubado de uma viatura. O confronto começou quando um grupo de encapuzados tentou forçar o bloqueio de forças de segurança, onde era feito o controle e identificação de manifestantes. Sessenta e cinco pessoas ficaram feridas, sendo 11 das forças de segurança.

 

Os manifestantes exigem que o governo desista da nova taxa que será aplicada a partir de janeiro sobre o diesel e a gasolina. Autoridades alegam emergência ecológica para justificar a taxação. O movimento dos coletes-amarelos, iniciado em 17 de novembro em redes sociais, conta com o apoio de dois em cada três franceses; e um abaixo-assinado contra a taxação superou o milhão de assinaturas.