ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Procurador Augusto Aras diz que STF demonstrou “cautela” ao não acessar dados de contribuintes

16 de novembro de 2019

Procurador Augusto Aras diz que STF demonstrou “cautela” ao não acessar dados de contribuintes

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Brasília – O Procurador-Geral da República, Augusto Aras, divulgou neste sábado (16) uma nota afirmando que o Supremo Tribunal Federal demonstrou “cautela necessária” ao não acessar os dados fiscais de 600 mil contribuintes. A declaração é consequência da negativa do presidente do STF, ministro Dias Toffoli, em revogar o pedido de acesso aos relatórios de inteligência financeira elaborados nos últimos três anos pelo antigo Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf).

 

Ao negar a revogação, pedida pelo procurador, Toffoli afirmou que não houve acesso aos dados dos contribuintes. Na nota, Aras disse que recebeu a decisão com tranquilidade.