ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Prefeitura do Rio interrompe vacinação de grávidas e puérperas

10 de junho de 2021

Prefeitura do Rio interrompe vacinação de grávidas e puérperas

RIO – O motivo é a falta de doses das vacinas CoronaVac e Pfizer.

Divulgação Prefeitura do Rio / Marcos de Paula

RIO – A Prefeitura do Rio interrompeu a imunização contra a covid-19 de gestantes e puérperas, ou seja, mulheres que estão na fase pós-parto, com comorbidades por falta de doses das vacinas CoronaVac e Pfizer. A medida cumpre a determinação do Ministério da Saúde, que orienta vacinar esse grupo apenas com esses dois imunizantes. 

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), a cidade aguarda o envio das doses pelo Ministério da Saúde para dar continuidade à imunização do grupo.

Ontem (9), o prefeito do Rio, Eduardo Paes, anunciou pelo Twitter que a cidade vai vacinar todos os moradores com mais de 50 anos contra a Covid-19 até a próxima semana. A Prefeitura já tinha antecipado o calendário de vacinação por idade nesta semana. Hoje (10), serão vacinadas pessoas com 55 anos, e amanhã (11), as de 54. O sábado (12) será dia de repescagem para pessoas com 54 anos ou mais.