ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Polícia do Rio prende homem acusado de vender ternos falsificados para autoridades

2 de agosto de 2019

Polícia do Rio prende homem acusado de vender ternos falsificados para autoridades

RIO – A Polícia Civil prendeu em flagrante, no Centro do Rio, um comerciante acusado de vender ternos falsificados de grifes, como Hugo Boss e Giorgio Armani, para advogados e autoridades políticas. 

Ternos apreendidos junto com o comerciante João de Sá Marques no Rio. Divulgação Polícia

RIO – A Polícia Civil prendeu em flagrante, no Centro do Rio, um comerciante acusado de vender ternos falsificados de grifes, como Hugo Boss e Giorgio Armani, para advogados e autoridades políticas. 

Segundo a polícia, João de Sá Marques comprava as roupas na Rua 25 de Março, famoso ponto de comércio popular de São Paulo, e trocava as etiquetas por marcas de grifes internacionais para revender no Rio, onde tinha clientes na Alerj e no Palácio Guanabara. 

No momento da prisão, João de Sá Marques estava acompanhado da mulher, que também foi detida. Com os dois foram apreendidos 40 ternos falsificados.