ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Polícia do Rio faz operação contra pedofilia em grupos de aplicativo de mensagens

28 de agosto de 2019

Polícia do Rio faz operação contra pedofilia em grupos de aplicativo de mensagens

RIO – A Polícia Civil do Rio faz desde cedo uma operação para desarticular grupos de aplicativos de conversas pelo celular que compartilham fotos e vídeos contendo pornografia infanto-juvenil.

A primeira pessoa presa na operação “Imperium” foi levada para a Delegacia de Comendador Soares, em Nova Iguaçu (foto). Google Maps

RIO – A Polícia Civil do Rio faz desde cedo uma operação para desarticular grupos de aplicativos de conversas pelo celular que compartilham fotos e vídeos contendo pornografia infanto-juvenil. A ação foi batizada de “Imperium” e pretende cumprir 13 mandados de busca e apreensão em diversas regiões do estado.

De acordo com a delegada Cristiane Aguiar, a idade das vítimas varia de 2 a 12 anos e muitos desses criminosos se disfarçam de crianças para induzir os menores a participarem das conversas. Segundo a polícia, os grupos são formados por homens e mulheres e atuam até fora do país.

Nove pessoas foram levadas para a Cidade da Polícia, no Jacaré, na Zona Norte do Rio, por suspeita de envolvimento na rede de pedofilia praticada em grupos de WhatsApp. Além deles, duas pessoas foram presas em flagrante.

Os agentes cumprem mandados na capital fluminense e também em outros pontos do Rio como Campos, Miracema, Araruama, Barra Mansa e São Gonçalo.