ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > PF cumpre mandados da Lava Jato no Rio, e ex-secretário Sérgio Côrtes volta a ser preso

31 de agosto de 2018

PF cumpre mandados da Lava Jato no Rio, e ex-secretário Sérgio Côrtes volta a ser preso

RIO – Sérgio Côrtes, que foi secretário de Saúde do governo Sérgio Cabral, voltou a ser preso, na manhã de hoje (31), pela Polícia Federal na terceira fase da Lava Jato no Rio dentro da área da Saúde. O ex-secretário foi detido preventivamente na casa dele, na Lagoa. Dessa vez, a operação envolve as OSS, que são organizações sem fin

Arquivo Agência Brasil. Tânia Rêgo (Abril 2017)

RIO – Sérgio Côrtes, que foi secretário de Saúde do governo Sérgio Cabral, voltou a ser preso, na manhã de hoje (31), pela Polícia Federal na terceira fase da Lava Jato no Rio dentro da área da Saúde. O ex-secretário foi detido preventivamente na casa dele, na Lagoa. Dessa vez, a operação envolve as OSS, que são organizações sem fins lucrativos contratadas para administrar unidades de saúde do estado, e soma 21 mandados de prisão no Rio e em São Paulo.

A Organização Social alvo de hoje (31) é a Pró-Saúde, que administrava vários hospitais na gestão de Sérgio Cabral e atualmente é responsável pela administração do Hospital Getúlio Vargas e do Instituto Estadual do Cérebro. Segundo os investigadores, os contratos fraudados permitiram o desvio de cerca de R$ 74 milhões dos cofres públicos.

Outro alvo da ação é o empresário Miguel Iskin, que é investigado por suspeita de controlar um cartel de fornecedores de material e equipamentos hospitalares do estado do Rio. Ele também foi preso na manhã desta sexta-feira (31). De acordo com os investigadores, ele escolhia as empresas que venceriam as licitações e cobrava comissões que chegavam a 40% do valor total dos contratos.

Sérgio Côrtes e Miguel Iskin já tinham sido presos no ano passado, mas foram soltos por decisão do ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF).

A ação desta sexta-feira (31) é um desdobramento das operações Ressonância e Fatura Exposta.