ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > PF aponta indícios de que Temer recebeu R$ 5,9 milhões em propina do setor portuário

17 de outubro de 2018

PF aponta indícios de que Temer recebeu R$ 5,9 milhões em propina do setor portuário

BRASÍLIA – O presidente Michel Temer teria recebido R$ 5,9 em propina do setor portuário entre 2000 e 2014, de acordo com o relatório final da Polícia Federal sobre o chamado ‘Inquérito dos Portos’. O relatório também afirma que Temer captou junto a empresas do setor R$ 17 milhões em doações para seu grupo político.

Foto: Agência Brasil

BRASÍLIA – O presidente Michel Temer teria recebido R$ 5,9 em propina do setor portuário entre 2000 e 2014, de acordo com o relatório final da Polícia Federal sobre o chamado ‘Inquérito dos Portos’. O relatório também afirma que Temer captou junto a empresas do setor R$ 17 milhões em doações para seu grupo político.

O presidente foi indiciado por corrupção passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa. Segundo o relatório final da investigação, também foram indiciadas a filha de Temer, Maristela, e mais nove pessoas.

Nesta quarta-feira, o ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal, homologou a delação premiada do empresário José Antunes Sobrinho, dono da Engevix. A Polícia Federal incluiu trechos da delação do empresário no relatório final da investigação sobre Michel Temer, que sempre negou as acusações.