ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Subiu para 10 o número de mortos com a queda de paredão de rocha no lago de Furnas em Capitólio (MG)

8 de janeiro de 2022

Subiu para 10 o número de mortos com a queda de paredão de rocha no lago de Furnas em Capitólio (MG)

Reprodução de redes sociais

Belo Horizonte – Subiu para 10 o número de mortos após a queda de um paredão de rocha no lago de Furnas de Capitólio, em Minas Gerais, neste sábado (08). Neste domingo (09), equipes de resgate encontraram mais dois corpos, descartando a possibilidade de encontrar mais pessoas desaparecidas, apesar das buscas prosseguirem até esta segunda-feira (10).

 

A Polícia Civil identificou a primeira vítima, Júlio Borges Antunes, de 68 anos, natural de Alpinópolis, município de Minas Gerais. A Superintendência da Polícia Federal no estado enviou uma equipe ao Instituto Médico Legal de Passos para ajudar nos trabalhos.

 

As pedras atingiram quatro embarcações, com pelo menos 34 pessoas. O acidente provocou a morte de dez pessoas que passeavam de lancha no local, além de ferimentos em outras 32 pessoas.

 

O acidente foi filmado por ocupantes de outra lancha que estava no lago. O vídeo circula na Internet desde o início da tarde de sábado, quando houve a queda. Em outro vídeo, há uma tentativa de avisar as pessoas nos barcos mais próximos das pedras para deixar o local.

 

A Marinha do Brasil divulgou uma nota informando que vai instaurar um inquérito para apurar o acidente. Segundo o documento, a Delegacia Fluvial de Furnas deslocou equipes de busca e salvamento para o local, a fim de prestar apoio necessário às tripulações envolvidas no acidente, no transporte de feridos e no auxílio aos outros órgãos que atuam na ocorrência.

 

Matéria atualizada às 19h39, 09/01/2022.