ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Parasita rouba cena e se consagra na festa do Oscar

10 de fevereiro de 2020

Parasita rouba cena e se consagra na festa do Oscar

LOS ANGELES – A produção recebeu seis indicações e faturou quatro estatuetas, inclusive de Melhor Filme.

Divulgação Parasita/Mostra Internacional de Cinema

LOS ANGELES – O filme sul-coreano “Parasita” roubou a cena na festa do Oscar, neste domingo (9), em Los Angeles. A produção recebeu seis indicações e faturou quatro estatuetas: Melhor Filme Estrangeiro, Melhor Diretor para Bong Joon Ho, Melhor Roteiro Original e Melhor Filme, que, pela 1ª vez na história do Oscar, foi concedido a uma produção não falada em língua inglesa.

Apontados como favoritos em qualquer bolsa de apostas, “1917” e “Coringa” ficaram com 3 prêmios, cada um.

Joaquim Phoenix não surpreendeu ao receber o Oscar de Melhor Ator como o vilão Coringa. Renee Zellwéger levou a estatueta de Melhor Atriz pelo papel em “Judy – muito além do arco-íris”. Brad Pitt ganhou o prêmio de Melhor Ator Coadjuvante e Laura Dern ficou com o de Melhor Atriz Coadjuvante.

“Democracia em vertigem”, da diretora mineira Petra Costa, era um dos indicados na categoria Melhor Documentário, mas, a “Indústria Americana” ficou com o prêmio.

Dirigido por Steven Bognar e Julia Reichert, o melhor documentário deste ano foi produzido pelo casal Obama e mostra os contrastes entre a cultura americana e chinesa, durante a abertura de uma fábrica nos Estados Unidos.