ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Lava Jato cumpre no Rio e em outros estados mandados de prisão contra doleiros do esquema Cabral

3 de maio de 2018

Lava Jato cumpre no Rio e em outros estados mandados de prisão contra doleiros do esquema Cabral

RIO – Agentes da Polícia Federal liderados pela força-tarefa da Lava-Jato estão nas ruas, desde o início da manhã de hoje (3), para cumprir 50 mandados de prisão no Rio, São Paulo, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Distrito Federal, além do Paraguai e Uruguai. Os alvos dessa vez são doleiros envolvidos em um esquema de lavagem de dinheiro que atinge astronômica cifra

Arquivo Agência Brasil/Rovena Rosa

RIO – Agentes da Polícia Federal liderados pela força-tarefa da Lava-Jato estão nas ruas, desde o início da manhã de hoje (3), para cumprir 50 mandados de prisão no Rio, São Paulo, Minas Gerais, Rio Grande do Sul e Distrito Federal, além do Paraguai e Uruguai. Os alvos dessa vez são doleiros envolvidos em um esquema de lavagem de dinheiro que atinge astronômica cifra de US$ 1,652 milhões. De acordo com as investigações, o grupo usava softwares que uniam doleiros do mundo todo.

O principal alvo da ação é Dario Messer, conhecido pelo apelido de Cagarras e apontado como o principal doleiro do país. Ele tem casa na Avenida Delfim Moreira e também no Paraguai. Além do Leblon, policiais federais que estão no Rio cumprem mandados em endereços de Ipanema.

Essa operação de hoje (3) tem como base as delações dos doleiros Vinícius Vieira Barreto Claret, o Juca Bala, e Cláudio Fernando Barbosa, o Tony. Os dois trabalhavam para a organização criminosa chefiada pelo ex-governador Sérgio Cabral, foram presos no Uruguai e soltos hoje. O acordo de colaboração dos dois previa que eles ficassem presos por um ano e dois meses, e esse prazo terminou justamente nesta quinta-feira (3).