ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Operação investiga quadrilha de adulteração de combustíveis chefiada por miliciano preso

12 de abril de 2022

Operação investiga quadrilha de adulteração de combustíveis chefiada por miliciano preso

RIO – Organização criminosa revendia combustível adulterado com álcool e nafta solvente em postos da Grande Vitória (ES).

Divulgação PRF

RIO – A Polícia Federal (PF) e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) realizaram hoje (12) uma grande operação para desarticular uma quadrilha que adulterava e revendia combustíveis sob o comando de um miliciano preso no Rio de Janeiro.

Batizada de Naftalina, a operação reuniu cerca de 160 agentes da PF e da PRF, além de quatro auditores da Receita Federal. Eles se dividiram entre os estados do Rio de Janeiro, Espírito Santo e São Paulo para cumprirem mandados de prisão, busca e apreensão, além de medidas cautelares.

A investigação revelou que pelo menos desde 2020 a organização criminosa recebia irregularmente cargas de álcool hidratado e nafta solvente para adulteração do combustível, que era revendido em postos na Grande Vitória.

Se forem declarados culpados, os investigados poderão ser condenados a mais de 41 anos de prisão. Eles responderão por organização criminosa; receptações qualificadas; adulterações de combustíveis e revendas em desacordo com a Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP); crimes contra o consumidor; crime ambiental e lavagem de dinheiro.