ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > OMS inclui “síndrome de burnout” na lista oficial de doenças

27 de maio de 2019

OMS inclui “síndrome de burnout” na lista oficial de doenças

RIO (agências internacionais) – A “síndrome de burnout” foi incluída na Classificação Internacional de Doenças da Organização Mundial da Saúde (OMS). A lista da OMS é baseada nas conclusões de especialistas de todo o mundo e utilizada para estabelecer tendências e estatísticas de saúde.

Assembleia mundial da OMS. Divulgação Ministério da Saúde da Espanha

RIO (agências internacionais) – A “síndrome de burnout” foi incluída na Classificação Internacional de Doenças da Organização Mundial da Saúde (OMS). A lista da OMS é baseada nas conclusões de especialistas de todo o mundo e utilizada para estabelecer tendências e estatísticas de saúde.

A decisão foi tomada pelos estados membros da organização que estão reunidos em Genebra para a assembleia mundial da OMS. A nova versão dessa lista vai entrar em vigor em janeiro de 2022. A “síndrome de burnout” foi incluída no capítulo de problemas associados ao emprego ou ao desemprego. 

O problema foi descrito como “uma síndrome resultante de um estresse crônico no trabalho que não foi administrado com êxito” e que se caracteriza por três elementos: “sensação de esgotamento, cinismo ou sentimentos negativos relacionados a seu trabalho e eficácia profissional reduzida”.