ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Mulheres que se passavam por vítimas de Brumadinho são presas

11 de março de 2019

Mulheres que se passavam por vítimas de Brumadinho são presas

BELO HORIZONTE – Foram presas em flagrante duas mulheres que se passaram por vítimas do rompimento da barragem da Vale em Brumadinho, em Belo Horizonte. As estelionatárias buscavam receber doações da mineradora.

Segundo o Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), a primeira mulher se apresentou como mãe de uma criança que teria desap

Tragédia em Brumadinho aconteceu no dia 25 de janeiro. Fotos Publicas/ Ricardo Stuckert

BELO HORIZONTE – Foram presas em flagrante duas mulheres que se passaram por vítimas do rompimento da barragem da Vale em Brumadinho, em Belo Horizonte. As estelionatárias buscavam receber doações da mineradora.

Segundo o Tribunal de Justiça de Minas Gerais (TJMG), a primeira mulher se apresentou como mãe de uma criança que teria desaparecido em razão da tragédia e queria receber a doação da empresa no valor de R$100 mil.

A segunda mulher se cadastrou com o objetivo de receber R$50 mil porque alegava que morava na Zona de Autossalvamento. A justiça mineira descobriu que ela é moradora de rua, em Belo Horizonte.

De acordo com o último balanço da Defesa Civil de Minas, 197 mortes foram confirmadas e outras 111 pessoas seguem desaparecidas.

O rompimento da Barragem do Còrrego do Feijão aconteceu no dia 25 de janeiro.