ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > MPF recomenda que quartéis não comemorem aniversário do golpe militar de 1964, como determinou Bolsonaro

27 de março de 2019

MPF recomenda que quartéis não comemorem aniversário do golpe militar de 1964, como determinou Bolsonaro

BRASÍLIA – O Ministério Público Federal está recomendando, em vários estados, que os quartéis das Forças Armadas se abstenham de qualquer tipo de comemoração do aniversário do golpe militar de 31 de março de 1964.

Parte dessas recomendações vem acompanhada de um alerta de que a comemoraç

Foto: José Cruz/Agência Brasil

BRASÍLIA – O Ministério Público Federal está recomendando, em vários estados, que os quartéis das Forças Armadas se abstenham de qualquer tipo de comemoração do aniversário do golpe militar de 31 de março de 1964.

Parte dessas recomendações vem acompanhada de um alerta de que a comemoração, determinada pelo presidente Jair Bolsonaro, poderá ser enquadrada como ato de improbidade administrativa.

Comandantes também foram oficiados para que informem, em até 48 horas, as medidas adotadas para impedir qualquer tipo de celebração do golpe de 1964.

A ação do Ministério Público Federal é coordenada pela Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão, um colegiado que funciona no âmbito da Procuradoria-Geral da República.