ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > MG tem 2ª morte suspeita de ligação com consumo da cerveja Belorizontina

14 de janeiro de 2020

MG tem 2ª morte suspeita de ligação com consumo da cerveja Belorizontina

Foto: Reprodução Instagram/Cervejaria Backer

BELO HORIZONTE – A morte de uma moradora do município de Pompéu, a 180 km de Belo Horizonte, está sob investigação por suspeita de ter ligação com a síndrome nefroneural que já atingiu 17 pessoas em Minas Gerais.

Ao dar a informação, a Secretaria Municipal de Pompéu revelou que a paciente havia visitado a família no bairro de Buritis, em Belo Horizonte, onde ficou entre os dias 15 e 21 de dezembro do ano passado. A morte ocorreu exatamente uma semana depois, por sintomas característicos da síndrome nefroneural.

Ainda de acordo com a Secretaria, a família confirmou que a vítima consumiu a cerveja Belorizontina, sob investigação por suspeita de ter causado a intoxicação nas 17 pessoas.

A se confirmar a intoxicação da moradora de Pompéu pela substância dietilenoglicol, encontrada em lotes da cerveja, será a segunda morte suspeita de ter sido causada pelo consumo da bebida.