ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Ministro da Saúde: não é possível relaxar o isolamento social com a curva de mortes em ascendência

1 de maio de 2020

Ministro da Saúde: não é possível relaxar o isolamento social com a curva de mortes em ascendência

BRASÍLIA – Pela primeira vez, o ministro Nelson Teich admitiu ser possível que o número de mortes chegue ao patamar de 1 mil por dia.

Agência Brasil / Marcelo Casal Jr

BRASÍLIA – O ministro da Saúde, Nelson Teich, disse que não é possível iniciar a liberação do isolamento social diante da curva de mortes provocadas pelo novo coronavírus em franca ascendência. Pela primeira vez, o ministro admitiu ser possível que o número de mortes chegue ao patamar de 1 mil por dia.

O Brasil registrou mais 435 mortes por Covid-19 em 24 horas, entre quarta-feira (29) e ontem (30), totalizando 5.901 óbitos. O balanço divulgado pelo Ministério da Saúde também aponta que o número de casos confirmados da doença subiu de 78.172 para 85.380, um aumento de 7.218 casos.

Pelo segundo dia consecutivo, o Brasil teve o número mais alto de novos registros em 24 horas desde o início da pandemia.