ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Micro e pequenas empresas do Rio foram as maiores devedoras no 1º semestre de 2018

17 de agosto de 2018

Micro e pequenas empresas do Rio foram as maiores devedoras no 1º semestre de 2018

RIO – O Rio foi o estado com a maior alta no calote entre micro e pequenas empresas do Brasil, no final do primeiro semestre. Segundo a Serasa Experian, empresa de informações de crédito, a inadimplência, só em junho, quando houve a greve dos caminhoneiros, registrou um crescimento de 13,6%, na comparação com o mesmo período de 2017.

O Rio de Janeiro ocupa a 3ª posição no ranking dos esta

Reprodução internet

RIO – O Rio foi o estado com a maior alta no calote entre micro e pequenas empresas do Brasil, no final do primeiro semestre. Segundo a Serasa Experian, empresa de informações de crédito, a inadimplência, só em junho, quando houve a greve dos caminhoneiros, registrou um crescimento de 13,6%, na comparação com o mesmo período de 2017.

O Rio de Janeiro ocupa a 3ª posição no ranking dos estados com maior atraso de contas de micro e pequenas empresas. Em 1º lugar aparece São Paulo, com 33% do total, seguido de Minas Gerais, com 11%. As micro e pequenas empresas fluminenses colocam o Rio na 3ª colocação no raking nacional dos calotes, com 8,3%.

Na avaliação de Luiz Rabi, economista da Serasa Experian, o  desabastecimento provocado pela greve influenciou negativamente no caixa, mas no caso do Rio de Janeiro, a situação é mais complicada para as micro e pequenas empresas, por conta do impacto da crise fiscal.