ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Metade das crianças brasileiras não recebeu todas as vacinas de 2020

9 de setembro de 2020

Metade das crianças brasileiras não recebeu todas as vacinas de 2020

BRASÍLIA – Para especialistas, a baixa cobertura está ligada à pandemia da Covid-19, que obrigou as pessoas a ficarem em casa, sem poder levar os filhos para vacinar.

Agência Brasil / Marcelo Camargo

BRASÍLIA – Metade das crianças brasileiras não recebeu todas as vacinas previstas no calendário nacional de imunização neste ano de 2020. É o que indicam dados do Programa Nacional de Imunização do Ministério da Saúde. De acordo com os índices atualizados até ontem (8), a cobertura vacinal está em 51,6% para as imunizações infantis como sarampo, meningite, coqueluche e poliomielite.

O baixo índice de imunização já tem consequências. Segundo o Ministério da Saúde, até o início de agosto, o país tinha 7,7 mil casos confirmados de sarampo. No ano passado, o Brasil perdeu o certificado de erradicação da doença.

Para especialistas, a baixa cobertura está ligada à pandemia da Covid-19, que obrigou as pessoas a ficarem em casa, sem poder levar os filhos para vacinar.