ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Lava-Jato prende seis em operação que investiga propina de US$ 31 milhões na área de petróleo

5 de dezembro de 2018

Lava-Jato prende seis em operação que investiga propina de US$ 31 milhões na área de petróleo

RIO – A Polícia Federal prendeu, no Rio, seis pessoas na 57ª fase da Operação Lava Jato. Nesta etapa, a investigação é sobre o suposto pagamento de US$ 31 milhões – o equivalente a R$ 119 milhões – em propinas a funcionários da Petrobras. Os pagamentos seriam feitos por empresas que atuam na compra e venda de petróleo e derivados – atividade c

Foto: Agência Brasil

RIO – A Polícia Federal prendeu, no Rio, seis pessoas na 57ª fase da Operação Lava Jato. Nesta etapa, a investigação é sobre o suposto pagamento de US$ 31 milhões – o equivalente a R$ 119 milhões – em propinas a funcionários da Petrobras. Os pagamentos seriam feitos por empresas que atuam na compra e venda de petróleo e derivados – atividade conhecida como trading.

Segundo a Polícia Federal, o esquema permitia que as empresas conseguissem ganhos acima dos valores de mercado. Também foram identificados indícios de irregularidades no aluguel de tanques de armazenagem da Petrobras pelas empresas investigadas, bem como no afretamento de navios.

O Ministério Público Federal apurou que os pagamentos de propina ocorreram entre 2009 e meados de 2014. Os investigadores não descartam que o esquema esteja em atividade até hoje.