ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Justiça mantém decisão de submeter Flordelis a júri popular

29 de setembro de 2021

Justiça mantém decisão de submeter Flordelis a júri popular

RIO – A decisão vale também para os outros nove acusados pela morte do pastor Anderson do Carmo. Crime foi em 2019.

Arquivo Agência Brasil / Fernando Frazão

RIO – A justiça do Rio confirmou a decisão da 3ª Vara Criminal de Niterói para que Flordelis e outros nove acusados de envolvimento na morte do pastor Anderson do Carmo sejam submetidos a júri popular. A vítima era casada com a ex-deputada e foi morta a tiros em casa, em junho de 2019, na cidade de Niterói.

A atual decisão é da 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro. Os desembargadores negaram os recursos de Flordelis e dos outros réus contra a decisão para submetê-los a júri popular. Os magistrados acompanharam, por unanimidade, o voto do relator, desembargador Celso Ferreira Filho.

O júri popular é formado por sete cidadãos comuns, que são sorteados para representar a sociedade diante de um julgamento.