ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Justiça fará videoconferência para evitar deslocamento de mais de 150 milicianos presos no fim de semana no Rio

9 de abril de 2018

Justiça fará videoconferência para evitar deslocamento de mais de 150 milicianos presos no fim de semana no Rio

RIO – Cento e cinquenta e três das 164 pessoas presas suspeitas de ligação com milícia, no fim de semana numa festa em um sítio em Santa Cruz, na Zona Oeste do Rio, vão participar de audiência de custódia por videoconferência. A medida de segurança foi tomada para impedir a locomoção do grande número de criminosos.

Parte dos presos suspeitos de atuar na milícia em Santa Cruz, na Zona Oeste do Rio. Divulgação Polícia Civil

RIO – Cento e cinquenta e três das 164 pessoas presas suspeitas de ligação com milícia, no fim de semana numa festa em um sítio em Santa Cruz, na Zona Oeste do Rio, vão participar de audiência de custódia por videoconferência. A medida de segurança foi tomada para impedir a locomoção do grande número de criminosos.

Entre os detidos estão bandidos considerados de alta periculosidade, além de quatro militares e sete menores de idade, que ficaram sob a responsabilidade do juizado da infância e da adolescência.

Os suspeitos foram transferidos da Cidade da Polícia para uma triagem na Cadeia Pública Frederico Marques, em Benfica, e de lá seguiram para a penitenciária Bandeira Stampa, no Complexo Penitenciário de Bangu.

As transferências foram feitas num forte esquema de segurança com quatro caminhões, duas viaturas, um ônibus e um helicóptero da Polícia Civil.

Leia mais:
FAB confirma veracidade do áudio de voo com Lula para Curitiba: “Leva e não traz nunca mais”