ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Juiz Sérgio Moro torna réus nove investigados na operação Dèja-Vu, da Lava Jato

15 de junho de 2018

Juiz Sérgio Moro torna réus nove investigados na operação Dèja-Vu, da Lava Jato

CURITIBA – O juiz Sérgio Moro aceitou denúncia contra nove investigados na 51ª fase da Operação Lava Jato, batizada de Dèja-Vu. Entre eles estão ex-funcionários da Petrobras e operadores de propina.

De acordo com o Ministério Público Federal, o chamado departamento de propina da Odebrecht pagou US$ 24,7 milhõe

O juiz Sérgio Moro. Arquivo Agência Brasil

CURITIBA – O juiz Sérgio Moro aceitou denúncia contra nove investigados na 51ª fase da Operação Lava Jato, batizada de Dèja-Vu. Entre eles estão ex-funcionários da Petrobras e operadores de propina.

De acordo com o Ministério Público Federal, o chamado departamento de propina da Odebrecht pagou US$ 24,7 milhões em vantagens indevidas a Aluísio Teles Ferreira Filho, que foi gerente da área internacional da estatal; a Ulisses Sobral Calile, empregado do mesmo setor, e a Rodrigo Zambrotti Pinau, que prestava serviços à Petrobras.

De acordo com a denúncia, outros US$ 32 milhões teriam sido destinados a políticos do MDB, que, segundo Sérgio Moro, ainda não foram completamente identificados.

A propina estava vinculada a um contrato de US$ 825 milhões firmado pela Odebrecht para prestar serviços à Petrobras em nove países, além do Brasil.