ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Jogadores da seleção se manifestam contra a Copa América após vitória em cima do Paraguai

9 de junho de 2021

Jogadores da seleção se manifestam contra a Copa América após vitória em cima do Paraguai

Divulgação CBF / Lucas Figueiredo

RIO – Os jogadores da seleção brasileira se manifestaram publicamente sobre a realização da Copa América no Brasil, a partir de domingo (13). Os atletas publicaram uma nota após a vitória sobre o Paraguai, por 2 a 0, ontem (8) à noite, pelas Eliminatórias da Copa do Mundo, no Defensores del Chaco. A carta foi compartilhada no perfil dos profissionais nas redes sociais de maneira conjunta e classifica a Copa América como inadequada para o momento.

Na nota divulgada pelos jogadores, os atletas se mostram contrários à realização do torneio e criticam a Conmebol. O texto indica que não há intenção de boicote por parte dos jogadores e destaca o compromisso dos atletas, que encerraram a carta com a seguinte frase: “Somos contra a organização da copa américa, mas nunca diremos não à seleção brasileira”.

A Copa América começa domingo (13), com o jogo Brasil x Venezuela, às 18h, no estádio Mané Garrincha, em Brasília.  O torneio terá jogos também em Cuiabá, Goiânia e no Rio de Janeiro.

Os gols brasileiros de ontem (8) à noite foram marcados por Neymar, aos três minutos do primeiro tempo, após cruzamento de Gabriel Jesus, e Paquetá, no último minuto do confronto. Com a vitória, o Brasil chega a 18 pontos em seis jogos disputados e lidera com folga as eliminatórias, com seis pontos de vantagem para a Argentina, segunda colocada. O Paraguai segue com 7 pontos e aparece na sexta colocação. As duas seleções só voltam a campo pela competição em setembro. 

E também ontem (8), a Mastercard anunciou que não vai expor a sua marca durante a Copa América. O nome da empresa poderia aparecer nas placas de publicidade à beira dos gramados e nas entrevistas de jogadores e técnicos.