ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Itália endurece políticas de acolhimento a refugiados

24 de setembro de 2018

Itália endurece políticas de acolhimento a refugiados

ROMA – O parlamento da Itália aprovou por unanimidade um controvertido decreto defendido pelo vice-premier e líder da extrema direita, Matteo Salvini, que endurece as políticas de acolhimento a migrantes e refugiados. O texto do chamado "Decreto Salvini" prevê novos critérios mais restritos para solicitações de asilo.

Vice-premier e líder da extrema direita, Matteo Salvini. Foto: Reprodução Facebook

ROMA – O parlamento da Itália aprovou por unanimidade um controvertido decreto defendido pelo vice-premier e líder da extrema direita, Matteo Salvini, que endurece as políticas de acolhimento a migrantes e refugiados. O texto do chamado "Decreto Salvini" prevê novos critérios mais restritos para solicitações de asilo.

Além disso, inclui a expulsão imediata de refugiados que sejam condenados por crimes graves e o aumento do tempo máximo que os recém-chegados podem permanecer em campos de repatriamento.

Com 42 pontos, o projeto deverá ainda ser ratificado pelo presidente italiano, Sergio Matarella, para se tornar lei.