ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Ibama anula multa a Bolsonaro por pesca irregular em Angra dos Reis

10 de janeiro de 2019

Ibama anula multa a Bolsonaro por pesca irregular em Angra dos Reis

BRASÍLIA – O Ibama anulou a decisão de multar em R$10 mil o presidente Jair Bolsonaro, por conta de uma pesca irregular em Angra dos Reis em 2012. A decisão foi tomada em 20 de dezembro, quando ele ainda não havia assumido a presidência, após um parecer da Advocacia-Geral da União (AGU) sustentar que Bolsonaro não teve direito à ampla defesa no processo.

Bolsonaro foi flagrado em pesca irregular em Angra dos Reis em janeiro de 2012. Reprodução redes sociais

BRASÍLIA – O Ibama anulou a decisão de multar em R$10 mil o presidente Jair Bolsonaro, por conta de uma pesca irregular em Angra dos Reis em 2012. A decisão foi tomada em 20 de dezembro, quando ele ainda não havia assumido a presidência, após um parecer da Advocacia-Geral da União (AGU) sustentar que Bolsonaro não teve direito à ampla defesa no processo.

O presidente foi flagrado no dia 25 de janeiro de 2012 em um bote dentro da Estação Ecológica de Tamoios, em Angra. Ele foi fotografado por um agente do Ibama com uma vara de pescar.

Na defesa apresentada, o presidente alegou que estava no aeroporto Santos Dumont na hora da multa. No entanto, Bolsonaro cita a data em que o auto de infração foi lavrado, em março, e não o dia em que o flagra foi feito, em janeiro.