Governo projeta economia de R$ 1 trilhão com Reforma da Previdência

Ministro da Economia, Paulo Guedes. Agência Brasil/ Valter Campanato

BRASÍLIA – O governo pretende economizar R$ 1 trilhão em 10 anos com a Reforma da Previdência. Foi o que afirmou o ministro da Economia. Paulo Guedes acrescentou que a equipe econômica também trabalha com simulações que projetam uma economia de R$ 1 trilhão em 15 anos.

O ministro explicou que existem dois ou três modelos alternativos para a Reforma da Previdência. Segundo Paulo Guedes, quem vai decidir o formato definitivo da proposta a ser adotado será o presidente Bolsonaro, quando ele sair do hospital.

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, afirmou quer pretende conseguir, em dois meses, entre 320 e 330 votos para garantir a aprovação da Reforma da Previdência. Por se tratar de uma PEC, Proposta de Emenda Constitucional, a reforma precisa do apoio mínimo de 3/5 dos deputados para ser aprovada e enviada ao Senado. Ou seja, são necessários os votos de 308 dos 513 parlamentares.

Segundo Rodrigo Maia, se a Câmara votar a proposta até maio, possivelmente entre junho e julho, a PEC poderá ser aprovada, também, no Senado.