ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Geddel, irmão e mãe viram réus no caso dos R$ 51 milhões em apartamento em Salvador

8 de maio de 2018

Geddel, irmão e mãe viram réus no caso dos R$ 51 milhões em apartamento em Salvador

BRASÍLIA – O Supremo Tribunal Federal aceitou a denúncia da Procuradoria-Geral da República contra o ex-ministro Geddel Vieira Lima e o irmão, deputado federal Lúcio Vieira Lima, ambos do MDB, por lavagem de dinheiro e associação criminosa. Com isso, os irmãos Vieira Lima e demais investigados se tornam réus no STF. A investigação diz respeito a à apre

Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

BRASÍLIA – O Supremo Tribunal Federal aceitou a denúncia da Procuradoria-Geral da República contra o ex-ministro Geddel Vieira Lima e o irmão, deputado federal Lúcio Vieira Lima, ambos do MDB, por lavagem de dinheiro e associação criminosa. Com isso, os irmãos Vieira Lima e demais investigados se tornam réus no STF. A investigação diz respeito a à apreensão de R$ 51 milhões em um apartamento em Salvador. A decisão foi tomada por unanimidade pelos cinco ministros da Segunda Turma do STF: Edson Fachin, Dias Toffoli, Ricardo Lewandowski, Gilmar Mendes e Celso de Mello.

Também foram denunciados a mãe de Geddel, Marluce Vieira Lima; um ex-assessor do deputado, Job Brandão; o empresário Luiz Fernando Machado da Costa Filho, e Gustavo Ferraz, ligado ao MDB da Bahia. A denúncia contra Ferraz, no entanto, foi rejeitada.

A Segunda Turma do STF também decidiu manter Geddel preso, ao rejeitar recurso da defesa. Ele está desde setembro do ano passado no Presídio da Papuda, em Brasília.