ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Flordelis e mais sete são condenados pela morte do pastor Anderson do Carmo

13 de novembro de 2022

Flordelis e mais sete são condenados pela morte do pastor Anderson do Carmo

Julgamento terminou neste domingo (13)

Foto: Fernando Frazão/Agência Brasil

Rio de Janeiro – A ex-deputada Flordelis foi condenada a 50 anos e 28 dias de prisão pela morte do ex-marido e pastor Anderson do Carmo, em junho de 2019. A pena é pelos crimes de homicídio triplamente qualificado, tentativa de homicídio duplamente qualificado, uso de documento falso e associação criminosa armada. O julgamento em júri popular na 3ª Vara Criminal de Niterói terminou neste domingo (13), após sete dias.

 

Além da ex-parlamentar, foram condenadas pelo crime mais sete pessoas e três foram absolvidas (veja a lista abaixo). Entre as sentenciadas está Simone dos Santos Rodrigues, filha biológica de Flordelis, condenada a 31 anos e quatro meses de prisão. Um ano antes, outros dois filhos da pastora também tinham sido condenados pelo assassinato: Flávio dos Santos Rodrigues, filho biológico, e Lucas Cézar dos Santos Souza, filho adotivo.

 

 

  1. Flordelis dos Santos Souza:condenada a 50 anos e 28 dias por homicídio triplamente qualificado, tentativa de homicídio duplamente qualificado, uso de documento falso e associação criminosa armada.
  2. Simone dos Santos Rodrigues: condenada a 31 anos e 4 meses por homicídio triplamente qualificado, tentativa de homicídio duplamente qualificado e associação criminosa armada.
  3. Flávio dos Santos Rodrigues: condenado a 33 anos e 2 meses de prisão por homicídio triplamente qualificado, porte ilegal de arma, uso de documento ilegal e associação criminosa armada.
  4. Lucas Cézar dos Santos Souza:condenado a 7 anos e meio por homicídio triplamente qualificado. Teve a pena reduzida por ter colaborado com as investigações.
  5. Carlos Ubiraci Francisco da Silva:condenado a 2 anos, 2 meses e 20 dias de prisão em regime semiaberto por associação criminosa. Foi absolvido da acusação de homicídio triplamente qualificado.
  6. Adriano dos Santos Rodrigues:condenado a 4 anos, 6 meses e 20 dias em regime semiaberto por uso de documento falso duas vezes e por associação criminosa armada.
  7. Marcos Siqueira Costa:condenado a 5 anos e 20 dias em regime semiaberto por uso de documento falso duas vezes e por associação criminosa armada.
  8. Andrea Santos Maia:condenada a 4 anos, 3 meses e 10 dias em regime semiaberto por uso de documento falso duas vezes e por associação criminosa armada.
  9. Rayane dos Santos: 
  10. Marzy Teixeira: 
  11. André Luiz de Oliveira: