ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Escritora Nélida Piñon morre em Lisboa

17 de dezembro de 2022

Escritora Nélida Piñon morre em Lisboa

LISBOA – Nélida tinha 85 anos e foi a primeira mulher a se tornar presidente da ABL.

Divulgação

LISBOA (agências internacionais) – Morreu, neste sábado (17), em Lisboa, a escritora e integrante da Academia Brasileira de Letras (ABL) Nélida Piñon. A ABL informou que vai providenciar o traslado do corpo, que será velado no Petit Trianon, sede da Academia no Centro do Rio. A causa da morte não foi divulgada.

Nélida Piñon era carioca e tinha 85 anos. Ocupante da Cadeira 30 da ABL, para qual foi eleita em 27 de julho de 1989, ela foi a primeira mulher a presidir a entidade, posto que ocupou em 1996, ano do centenário da academia, e em 1997.

Segundo o atual presidente da ABL, Merval Pereira, a escritora teve problemas nas vias biliares e passou por uma cirurgia de emergência, mas não resistiu.

Autora de diversos romances, contos, crônicas e ensaios publicados em seus mais de 60 anos de carreira literária, Nélida teve mais de 20 livros publicados e suas obras foram traduzidas em mais de 30 países. 

A ABL divulgou uma nota sobre o falecimento da escritora e classificou Nélida como “uma das maiores representantes da literatura brasileira”. A Academia anunciou que fará uma Sessão da Saudade, no Salão Nobre, em homenagem à autora no dia 2 de março, na reabertura dos trabalhos da ABL.