ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Eleições podem ter mais de 100 observadores internacionais

17 de maio de 2022

Eleições podem ter mais de 100 observadores internacionais

BRASÍLIA – Presidente do TSE, Edson Fachin, já efetuou vários convites e quer a presença de representantes da União Europeia.

Antonio Cruz / Agência Brasil

BRASÍLIA – O Tribunal Superior Eleitoral pretende trazer ao Brasil mais de cem observadores internacionais para acompanhar as eleições de outubro. Ao dar a informação, o presidente do TSE, ministro Edson Fachin, também anunciou a criação de uma rede para garantir a vinda ao país de observadores da União Europeia.

Fachin disse que o TSE já convidou para acompanhar as eleições a Organização dos Estados Americanos; o Parlamento do Mercosul; a Rede Eleitoral da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa; a União Interamericana de Organismos Eleitorais;  o Centro Carter;  a Fundação Internacional para Sistemas Eleitorais e a Rede Mundial de Justiça Eleitoral.