ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Desabamento de prédios na Muzema, no Rio, deixa 23 mortos. Bombeiros encerram buscas

21 de abril de 2019

Desabamento de prédios na Muzema, no Rio, deixa 23 mortos. Bombeiros encerram buscas

RIO – Foi resgatado na madrugada de hoje (21) o corpo da última pessoa considerada desaparecida após o desabamento de dois prédios na Comunidade da Muzema, na Zona Oeste do Rio. A última vítima encontrada foi identificada como Juliana Martins de Souza Vicente, de 28 anos.

Os bombeiros realizaram mais de 200 horas ininterruptas de trabalho de busca na área onde os prédios desabaram. Tânia Rêgo / Agência Brasil

RIO – Foi resgatado na madrugada de hoje (21) o corpo da última pessoa considerada desaparecida após o desabamento de dois prédios na Comunidade da Muzema, na Zona Oeste do Rio. A última vítima encontrada foi identificada como Juliana Martins de Souza Vicente, de 28 anos. Com o resgate, a corporação encerra um ciclo de mais de 200 horas ininterruptas de trabalho de busca. Foram mais de 100 militares empenhados diariamente, cães farejadores, drone, helicópteros, ambulâncias e viaturas de recolhimento de cadáveres.

Com o resgate deste domingo (21), o número de mortes na tragédia, que aconteceu no último dia 12, chegou a 23. Foram encontrados nos escombros os corpos de 10 mulheres, 8 crianças e 5 homens. Oito moradores dos prédios que desabaram sobreviveram.

Pelo menos duas pessoas seguem internadas no Rio. Paloma Paes Leme Barroso, de 44 anos, e o filho Rafael Paes Leme do Nascimento, de 4, estão no Hospital Miguel Couto e apresentam quadro estável.