ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Cúpula do Brics critica protecionismo comercial e condena a violação dos direitos humanos

26 de julho de 2018

Cúpula do Brics critica protecionismo comercial e condena a violação dos direitos humanos

JOANESBURGO – Os chefes de Estado dos países-membros do Brics – Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul – assinaram uma declaração de compromisso com o fortalecimento das relações internacionais para o desenvolvimento econômico, com foco no bem-estar da população. Eles manifestaram preocupação com o crescente protecionismo comerci

Foto: Rogério Melo/Presidência da República

JOANESBURGO – Os chefes de Estado dos países-membros do Brics – Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul – assinaram uma declaração de compromisso com o fortalecimento das relações internacionais para o desenvolvimento econômico, com foco no bem-estar da população. Eles manifestaram preocupação com o crescente protecionismo comercial e condenaram o terrorismo e a violação de direitos humanos em regiões de conflito. 

Os líderes do Brics, entre eles o presidente Michel Temer, estão reunidos na 10ª cúpula do bloco,que termina nesta sexta-feira (26) em Joanesburgo, na África do Sul.

Eles reforçaram o comprometimento com o respeito mútuo entre as nações, com a democracia e com a legislação internacional, e apoiaram o papel central da ONU na manutenção da paz mundial, da segurança e na proteção dos direitos humanos.