ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Crise hídrica: presidente do Banco Central quer conter impacto na inflação

3 de setembro de 2021

Crise hídrica: presidente do Banco Central quer conter impacto na inflação

BRASÍLIA – Roberto Campos Neto disse que o índice inflacionário atual, em torno de 9% em 12 meses, é um patamar elevado.

José Cruz/Agência Brasil

BRASÍLIA – O presidente do Banco Central afirmou que a crise energética é um problema grave para o país e garantiu que o BC fará o que for necessário para conter os reflexos na inflação.

Roberto Campos Neto explicou que os reajustes da energia elétrica já têm gerado forte impacto. Em 12 meses, a inflação está em cerca de 9%, patamar considerado bastante elevado.

O Brasil enfrenta a pior estiagem em 91 anos. Com o baixo nível de água dos reservatórios das hidrelétricas, o governo é obrigado a acionar as usinas termelétricas, que são mais caras e poluentes