ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Comando da polícia do Paraguai muda após traficante carioca matar mulher dentro de prisão

18 de novembro de 2018

Comando da polícia do Paraguai muda após traficante carioca matar mulher dentro de prisão

ASSUNÇÃO (agências internacionais) – O presidente do Paraguai, Mario Abdo Benítez, anunciou a troca de comando na polícia nacional do país após o traficante carioca Marcelo Pinheiro Veiga, o Marcelo Piloto, matar uma mulher dentro da cela do quartel onde ele está preso.

A vítima é a argentina Lidia Meza Burgos,

Marcelo Piloto matou Ligia Burgos dentro da cela onde está preso usando uma faca de mesa. Divulgação Polícia Civil do Paraguai

ASSUNÇÃO (agências internacionais) – O presidente do Paraguai, Mario Abdo Benítez, anunciou a troca de comando na polícia nacional do país após o traficante carioca Marcelo Pinheiro Veiga, o Marcelo Piloto, matar uma mulher dentro da cela do quartel onde ele está preso.

A vítima é a argentina Lidia Meza Burgos, de 18 anos. Ela visitava piloto pela segunda vez, para um encontro a sós na cela, e foi morta com 16 facadas.

O crime acabou provocando a queda do comandante da Polícia Nacional do Paraguai, comissário Bartolomé Báez e do  subcomandante Luis Paulo Cantero.

Depois do crime, a defesa do traficante informou que agora Marcelo Piloto vai precisar ser julgado por homicídio, e que isso deve impedir a extradição dele para o Brasil, como estava previsto.

A ministra da Mulher do Paraguai, Nilda Romero, expressou seu repúdio ao caso e cobrou a investigação e punição dos envolvidos.