ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Cinquenta e sete cidades terão segundo turno, entre elas Rio e São Paulo

16 de novembro de 2020

Cinquenta e sete cidades terão segundo turno, entre elas Rio e São Paulo

Agência Brasil / Rovena Rosa

BRASÍLIA / SÃO PAULO – Eleitores de 57 cidades brasileiras irão às urnas novamente, no próximo dia 29, para decidir a eleição para prefeito. Esse número representa 60% do total de 95 municípios onde havia a possibilidade de uma segunda rodada de votação.

Nas cidades de Volta Redonda e Duque de Caxias, ambas no Rio de Janeiro, o resultado depende de uma decisão da justiça eleitoral, já que os mais votados tiveram as candidaturas indeferidas, mas ainda recorrem.

Entre as capitais que definiram a eleição para prefeito no primeiro turno estão Belo Horizonte, onde o atual prefeito Alexandre Kalil (PSD) foi reeleito, e Salvador, que escolheu Bruno Reis (DEM) com cerca de 64% dos votos.

Das 57 cidades onde haverá segundo turno, 18 são capitais, como São Paulo. Na capital paulista, os eleitores terão que escolher, daqui a duas semanas, Bruno Covas (PSDB), que tenta a reeleição, ou Guilherme Boulos (PSOL).

A eleição para prefeito na cidade do Rio de Janeiro também será decidida em segundo turno, no próximo dia 29, entre Eduardo Paes (DEM) e Marcelo Crivella (Republicanos). Com 100%  das urnas apuradas, o ex-prefeito soma 37,1% dos votos válidos contra 21,90% do atual prefeito.

A definição em São Paulo e no Rio de Janeiro foi confirmada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) depois das 23h. Uma falha em um processador de um computador do TSE atrasou o processo de totalização dos votos de praticamente todo o país.