ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Celso de Mello arquiva pedido para apreender celular de Bolsonaro

2 de junho de 2020

Celso de Mello arquiva pedido para apreender celular de Bolsonaro

BRASÍLIA – O ministro do STF ponderou que um eventual descumprimento de ordem judicial pelo presidente seria um ato de “insubordinação executiva”.

Foto de arquivo Agência Brasil / José Cruz

BRASÍLIA – O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Celso de Mello arquivou o pedido de apreensão dos celulares de Jair Bolsonaro e do filho dele, Carlos Bolsonaro, apresentado por partidos da oposição. PDT, PSB e PV haviam solicitado ao STF a apreensão dos aparelhos dentro das investigações sobre a suposta interferência política do presidente na Polícia Federal.

Bolsonaro já havia declarado que se o Supremo determinasse a apreensão de seu celular não entregaria o aparelho, e na decisão do arquivamento do pedido, o ministro do STF ponderou que um eventual descumprimento de ordem judicial pelo presidente da República seria um ato de “insubordinação executiva”. Celso de Mello destacou ainda que todas as autoridades devem respeitar a Constituição .