CCJ do Senado aprova relatório que pede a suspensão do decreto sobre armas

Foto: Pedro França/Agência Senado

BRASÍLIA – Por 15 votos a 9, a Comissão de Constituição e Justiça do Senado rejeitou o parecer que defende a manutenção de decreto do governo sobre porte de armas. Os senadores decidirão, agora, na Comissão, um voto em separado, alternativo, que pede a suspensão do decreto.

Quatro votos em separado, alternativos ao relatório rejeitado, foram apresentados. Três pediram a suspensão e um, a manutenção do decreto. A questão ainda precisa passar pelo plenário do Senado, que vai analisar o conteúdo. Coube à CCJ votar a constitucionalidade da matéria.