ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Brasil lidera ranking de ONG britânica sobre mortes de ativistas ambientais

24 de julho de 2018

Brasil lidera ranking de ONG britânica sobre mortes de ativistas ambientais

RIO (agências internacionais) – O Brasil aparece em 1º lugar, pelo segundo ano consecutivo, no balanço da ONG britânica Global Witness como o país com maior número de mortes de ativistas ambientais. De acordo com o levantamento, 57 ativistas foram mortos no ano passado. Em segundo lugar no ranking está as Filipinas, com 48 mortes, e na terceira posição aparece a Colômbia

Arquivo Agência Brasil

RIO (agências internacionais) – O Brasil aparece em 1º lugar, pelo segundo ano consecutivo, no balanço da ONG britânica Global Witness como o país com maior número de mortes de ativistas ambientais. De acordo com o levantamento, 57 ativistas foram mortos no ano passado. Em segundo lugar no ranking está as Filipinas, com 48 mortes, e na terceira posição aparece a Colômbia, com 24 mortes de ativistas.

Segundo a Global Witness, o ano de 2017 foi o mais violento para os defensores do meio ambiente porque muitos ativistas foram executados por se oporem a projetos florestais, agroindustriais ou propostos por empresas de mineração.

A ONG ainda informou que 60% das 207 vítimas identificadas em 22 países estão na América Latina.