ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Bolsonaro põe dreno e toma antibióticos após quadro febril

4 de fevereiro de 2019

Bolsonaro põe dreno e toma antibióticos após quadro febril

SÃO PAULO – O presidente Jair Bolsonaro teve febre e passou a tomar antibiótico. Em razão disso, a alta prevista para quarta-feira (6) foi adiada. A informação foi dada pelo porta-voz da Presidência no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, onde Bolsonaro se recupera da cirurgia no intestino, feita no último dia 28. Segundo o porta-voz Otávio Rêgo Barros, o president

Reprodução Redes Sociais

SÃO PAULO – O presidente Jair Bolsonaro teve febre e passou a tomar antibiótico. Em razão disso, a alta prevista para quarta-feira (6) foi adiada. A informação foi dada pelo porta-voz da Presidência no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, onde Bolsonaro se recupera da cirurgia no intestino, feita no último dia 28. Segundo o porta-voz Otávio Rêgo Barros, o presidente teve febre de 37,3º na noite de domingo (3) e houve alteração em alguns exames laboratoriais.

Novos exames de imagem identificaram o que os médicos chamaram de ‘uma coleção líquida’ ao lado do intestino, na região da antiga colostomia. Bolsonaro foi submetido a uma punção guiada por ultrassonografia e permanece com um dreno no local.

O presidente também continua em jejum oral, com sonda nasogástrica e se alimentando exclusivamente por via intravenosa.