ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Banco Mundial recebe indicação de Weintraub para cargo na instituição

19 de junho de 2020

Banco Mundial recebe indicação de Weintraub para cargo na instituição

BRASÍLIA – O salário é de US$ 250 mil ao ano, e o ocupante do cargo precisa morar em Washington.

Agência Brasil / Antonio Cruz

BRASÍLIA (agências internacionais) – O Banco Mundial informou, por meio de nota, que recebeu do governo brasileiro a indicação do ex-ministro da educação Abraham Weintraub para ocupar o cargo de diretor-executivo do grupo de países liderado pelo Brasil na instituição. O grupo reúne Colômbia, Filipinas, Equador, Haiti, Panamá, Suriname, República Dominicana e também Trinidad e Tobago, e todas essas nações terão que aprovar a indicação de Weintraub.

O Banco Mundial informou que o eventual mandato termina em outubro, quando uma nova indicação teria que ser feita. O salário é de US$ 250 mil ao ano, e o ocupante do cargo precisa morar em Washington.

Weintraub anunciou a saída do Ministério da Educação em um vídeo onde ele aparecia ao lado do presidente Jair Bolsonaro. Na mensagem, o ex-ministro não explicou os motivos da saída, mas revelou o convite para trabalhar no Banco Mundial.

Weintraub estava à frente do Ministério da Educação desde abril do ano passado e nesse período acumulou críticas e desafetos por declarações polêmicas. Uma das mais recentes foi na reunião ministerial do dia 22 de abril, em que ofendeu os ministros do Supremo Tribunal Federal e defendeu a prisão dos magistrados.