ouça
ao vivo

botão de play

Tocando agora

...

...

Home > Notícias > Aretha Franklin morre, aos 76 anos, nos EUA

16 de agosto de 2018

Aretha Franklin morre, aos 76 anos, nos EUA

MEMPHIS (agências internacionais) –  Aretha Franklin morreu, nesta quinta-feira (16), aos 76 anos, nos Estados Unidos. A causa da morte da rainha da soul music foi "câncer de pâncreas em estágio avançado", segundo comunicado divulgado para a imprensa. A doença foi diagnosticada em 2010.

Em uma de suas últimas apresenta&cced

A cantora Aretha Franklin em uma apresentação em 2015. Reprodução Facebook Aretha Franklin

MEMPHIS (agências internacionais) –  Aretha Franklin morreu, nesta quinta-feira (16), aos 76 anos, nos Estados Unidos. A causa da morte da rainha da soul music foi "câncer de pâncreas em estágio avançado", segundo comunicado divulgado para a imprensa. A doença foi diagnosticada em 2010.

Em uma de suas últimas apresentações, em novembro de 2017 em Nova York, Aretha Franklin já aparentava estar frágil e debilitada. Foi nesse mesmo ano que ela anunciou a aposentadoria dos palcos.

O empresário da cantora e compositora contou que a artista estava gravemente doente em casa ao lado de parentes, e, segundo o site "TMZ", ela estava pesando menos de 40 kg atualmente.

Dona de um timbre inconfundível, Aretha Franklin foi uma das artistas negras mais influentes da história e intérprete de sucessos como "Respect" (1967) e "I Say a Little Prayer" (1968). Em mais de 60 anos de carreira, acumulou 18 prêmios Grammy (incluindo um pelo conjunto da obra), que a tornaram a segunda cantora com o maior número de estatuetas. A primeira é Alison Krauss, um cantora de música popular e tradicional americana, que levou para casa 27 troféus.

Eleita a “maior cantora de todos os tempos” pela revista “Rolling Stone”, Aretha Franklin vendeu mais de 75 milhões de discos e cantou na posse de três presidentes americanos, incluindo Barack Obama, em 2009.

Aretha Louise Franklin nasceu em Memphis, no estado americano do Tennessee, em 25 de março de 1942.